Quatro anos de namoro. Nem casamentos duram isso tudo hoje em dia. E entre raivas e amores, estamos ai. Nunca consegui desenhar você direto. A verdade é que não sei desenhar direito. Mas você sempre foi uma motivadora para atingir meus sonhos, até quando me deixava puto da vida. Acredito que amar é antes de tudo não levar mais as coisas tão a cério e ao pé da letra. Criei esta personagem inspirada em você, aflorando os defeitos e peculiaridades mais interessantes. Ainda não desenhei você direito desta vez, mas acredito que vamos ter a vida toda para isso.

 

Provavelmente está dificil de ler as tiras. Os links diretos para elas são:

 

25 Comentários

Arquivado em 1

Deixe um comentário

Arquivado em egocentrismo

Deixe um comentário

Arquivado em 1

Deixe um comentário

Arquivado em egocentrismo

25 Comentários

Arquivado em egocentrismo

Deixe um comentário

Arquivado em egocentrismo

1 comentário

Arquivado em egocentrismo